segunda-feira, janeiro 12, 2009

Confraria do Bucho Raiano reúne no Sabugal

Turismo Gastronómico: Sugestão para o mês de Fevereiro, na Raia





(Comunicado de Imprensa - 12 de Janeiro de 2009 )



O almoço de convívio e divulgação da Confraria do Bucho Raiano, realiza-se no Sabugal, no dia 22 de Fevereiro, a partir do meio-dia, no salão da Junta de Freguesia local, integrando os «Roteiros Gastronómicos», a iniciativa da Câmara Municipal de apoio à gastronomia raiana. A ementa inclui além do obrigatório bucho com batatas e grelos de nabos cozidos, o caldo de baginas secas e sobremesa de mílharas.
O encontro acontece no domingo gordo, dia em que tradicionalmente as famílias mais chegadas se juntavam para comer o bucho.
Da ementa fará parte o caldo das baginas secas, seguido do bucho, que virá á mesa acompanhado por batatas e grelos de nabo cozidos, em absoluto respeito pela tradição gastronómica raiana. De sobremesa haverá papas de arolo, ou mílharas, e fruta da época.
A Junta de Freguesia do Sabugal disponibilizou o amplo salão para o almoço, esperando-se que mais de uma centena de confrades e outros convivas se inscrevam no almoço.
A par do convívio da confraria realizam-se no sabugal, por esses dias, os «Roteiros Gastronómicos», iniciativa do Município do Sabugal, a que aderiram diversos restaurantes do concelho.

O bucho será precisamente uma das ementas que os restaurantes sabugalenses oferecerão nas suas ementas, a par de outros pratos típicos da raia.
O bucho é a peça de enchido mais genuína das terras raianas do centro de Portugal.Manda a tradição que após a matança do porco se juntem num barranhão pedaços de carne provindos da cabeça, orelhas e rabo, de mistura com a carne que restou agarrada aos ossos. Coloca-se essa carne em vinha d'alhos durante três dias, após o que se enchem as bexigas dos próprios porcos, indo para o fumeiro a fim de aí secarem com o calor provindo da lareira.
Dar a conhecer o bucho e contribuir para que se transforme numa oportunidade económica para a região é o objectivo da confraria, que realiza no Sabugal o seu primeiro encontro de 2009.
A iniciativa tem os apoios da Câmara Municipal do Sabugal, da Junta de Freguesia do Sabugal e da Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa.

As marcações podem ser feitas até ao dia 15 de Fevereiro de 2009 para:
Telemóvel: 966 823 786
Email: confrariabuchoraiano@gmail.com
Confraria do Bucho Raiano

7 comentários:

Anónimo disse...

Gustava de saber porque rasão nunca ouvimos falar no lar que queriam fazer nos forcalhos a Associação esta aquase em fim de mandato e nunca se viu nada neste blog a falar do centro de dia sera que ja se acabou o dinheiro ou ja não á socios, eu que pençava um dia velhinho acabar os meus dias num lar na minha terra e terei que fazer como os outros ir para as terras vizinhas

um forcalhensse

Anónimo disse...

Gustavas de saber não gustavas tu kueres é converça quem çerá o forcalhensse anónimo mas eu acho que já se acabô o dinheiro e aquase perdem ou vendem a sêde da açossiaçção e os da diressão já fugiram para o brazil ou entao tão a pençar nas ileições e por esse andar devo ser o ultimo socio e se calha riscome já ou formo uma lista e desta vez vou eu para a direissão com uns verguios como eu.
Agora há serio: como está a situação do lar. ouvi dizer que já não avia centro de dia. é verdade?
um forcalhençe

ze domingos disse...

isto de mandar bocas anonimas e uma cobardia, nao pertenco aos corpos gerentes

O Forcalhense disse...

Cada coisa no seu espaço.
Todos temos ou podemos ter os contactos dos membros da direcção da ARCF e pessoalmente, por telefone ou mesmo mail, dialogar como pessoas civilizadas.
Tenho a certeza que se não fazem mais pela Associação e pelos Forcalhos é porque não podem...
NEM TUDO SÃO FAVAS CONTADAS... como alguns imaginam.
Fernando Latote

Anónimo disse...

Penso que os actuais, e anteriores membros da direcção da ARCF, não têm poupado esforços,afim de ver concretizado o projecto da implantação do lar para idosos nos Forcalhos.Ainda não foi possivel. Não seremos todos culpados? se calhar estamos sempre á espera que o outros façam alguma coisa por nós.
Se isto é um projecto para todos deveriamos estar unidos e tentar encontrar soluções.Só reclamar não leva a lado nenhum.

Anónimo disse...

E que tal umas aulinhas de ortografia para alguns sócios da ARCF, hein? Davam jeito!...O segundo comentário é precisamente o exemplo perfeito dos erros mais comuns, constituindo, assim, uma primeira lição...! LOL

Anónimo disse...

He he he!Ainda não consegui perceber a relação existente entre a Confraria do Bucho Raiano e a construção de um Centro de Dia nos Forcalhos...
SIMC