terça-feira, julho 31, 2007

Cavaleiros Arraianos na Cidade mais alta de Portugal

No Sábado, dia 28 de Julho, em vésperas de Capeias, Cavaleiros da nossa região juntaram-se para mais um passeio pelas ruas da Cidade da Guarda e do Barracão .




A Guarda serviu de pano de fundo para a concentração dos cavaleiros que iniciaram o passeio a partir do Barracão


Forcalhenses também marcaram presença


Tratou-se de um iniciativa da comissão das festas do Barracão em conjunto com a Câmara Municipal da Guarda, (que incluiu a actividade no seu programa Festas na Cidade). As duas entidades deram o mote reunindo dezenas de amantes de cavalos e de carros antigos, formando um cortejo invulgar desde o Barracão até à cidade mais alta de Portugal.


Convém salientar o fantástico trabalho e o empenho dos elementos da organização da actividade que decorreu com êxito e agradou visivelmente a todos os participantes.
Cavalos e Carros antigos , numa “ competição saudável”, relembrando outros tempos, despertaram a atenção das centenas de transeuntes admirados, talvez mais pela teimosia da sua existência ( sobrevivência?).


Só faltava o Al Capone e sus muchachos!
Embora não sendo já meios de transporte predilectos na era moderna, constituem no entanto uma paixão e um passatempo de muitos, numa sociedade cada vez mais virada para a Alta Tecnologia.

Paragem obrigatória para repôr energias Alguns deram os primeiros passos

É de salutar esse género de iniciativas que agregam pessoas com sentimentos e gostos semelhantes, proporcionando o convívio e a troca de experiências inspirando, quiçá, os aficionados à abertura de novos horizontes.

elementos da organização


Forcalhense omnipresente
Engarrafamento ou encavalamento?
A realização do Passeio dos Cavaleiros Arraianos coincidiu casualmente com a divulgação da notícia no semanário Interior, sobre a inauguração do Centro de Hipoterapia e Equitação Especial da CERCIG (Cooperativa para a Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados da Guarda). Trata-se de um equipamento que vai contribuir para a reabilitação de crianças e jovens com deficiência através da prática de equitação.


Passagem por ponte,túnel e "subidas radicais"

Houve quem não tivesse trazido o cavalo... mas aproveitou a boleia!
Outra boa notícia: o picadeiro da CERCIG que deverá ser inaugurado em Setembro deste ano, irá também abrir o espaço à comunidade. Uma excelente iniciativa para quem pretende experimentar a arte equestre.
fdmc/o7/2007

3 comentários:

O Forcalhense disse...

FORCALHOS... FORCALHENSES...sempre em destaque!
Se não me atraiçoam os conhecimentos... permitam-me uma pequena correcção, em jeito de teste aos visitantes deste blog:
- A Guarda foi efectivamente durante muitos anos a cidade mais alta de Portugal, mas neste momento já o não é. Porquê?
1 - Porque o nivel das águas do mar subiu?
2 - Porque a Guarda está a afundar?
3 - Porque uma vila da Beira Alta subiu á categoria de cidade? Qual?
Pago uma mini ao primeiro que acertar.

Nanie da Raia disse...

Un petit coucou de ta cousine Anne de Lyon ...

On a beaucoup de photos du encerro et de la capeia de Forcalhos si ça t'interesse je te laisse mon adresse hotmail "anne_nanie@hotmail.fr" pour me contacter je te les ferai parvenir.

Bisous et à bientôt j'espère .

Anne

Nanie da Raia disse...

J'ai oublié de preciser que le message précédent est adressé à Filipe.

A bientôt

Anne